A Essência do Marketing

Muitos anos atrás minha mãe me contou esta pequena história, antes de eu sequer saber que queria trabalhar na área do Marketing.

Em uma praça de Paris, havia um indigente cujo a placa que segurava dizia “Sou cego. Por favor, me ajude…”. Seus dias não rendiam mais do que alguns francos [sim, essa história é antiga]. Certo dia, passava por aquela praça o publicitário, parou, observou aquele cego por algum tempo e resolveu se aproximar.

— Senhor, se importa de eu reescrever a sua frase? perguntou ele.
— Por mim tudo bem, respondeu o cego.

Alguns dias depois, o publicitário voltou àquela praça e ficou contente de ver o chapéu do cego mais farto de moedas e notas grandes, ele se aproximou e o cego perguntou:

— Olá, por acaso você é o homem que reescreveu a minha frase?
— Sim, respondeu o publicitário.
— Muito obrigado! Mas, por favor, me diga o que está escrito.
“É primavera e eu não posso ver”.

Essa interessante parábola tem tudo a ver com o anúncio abaixo da agência Crispin Porter + Bogusky. Essa é a essência do marketing e consequentemente da publicidade, não é o que você diz é como você diz.

oscars2

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão / Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão / Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão / Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão / Alterar )

Connecting to %s

%d bloggers like this: